Chuvas inundam casas e carregam veículos no DF e em GO

A força da água derrubou o muro de uma casa em Anápolis, inundando o local. No DF, uma moto foi levada pela enxurrada

Pedestres ajudam motoqueiro a sair de enxurrada em São Sebastião

Pedestres ajudam motoqueiro a sair de enxurrada em São Sebastião

A chuva que caiu nesta segunda-feira (22) causou estragos em residências e ruas do Distrito Federal e de Goiás. Na capital federal, a força da água alagou casas, arrastou veículos e impactou o trânsito na Cidade Estrutural, em São Sebastião e no Guará. Vídeos mostram o desespero dos moradores durante a enxurrada.

Em São Sebastião, ainda no DF, um motociclista foi arrastado pela força da água em frente a um supermercado da cidade. Imagens captadas por pessoas que passavam na rua no momento do acidente mostram três homens tentando socorrer o condutor da moto, que quase é arrastado pela água.

No bairro residencial Vitória, também em São Sebastião, moradores tiveram prejuízos após a chuva. Eles contam que os alagamentos são frequentes e, para evitar que a água invada as casas durante a chuva, foi necessário construir muretas de 40 centímetros de altura em frente aos portões.

Moradores constroem muretas nos portões para evitar que a água da chuva invada as casas

Moradores constroem muretas nos portões para evitar que a água da chuva invada as casas

“A situação é crítica. Basta chover por cinco minutos que nossas casas se enchem de água. Não tem escoamento porque não existem redes pluviais. Já fizemos muretas na frente das casas e nem carros entram mais nos lotes”, desabafa Elma Cordeiro, que mora no bairro há dez anos.

No Guará 1, a chuva forte também causou transtornos a quem precisou atravessar a cidade. O viaduto que dá acesso à região administrativa ficou alagado e o Corpo de Bombeiros foi acionado para socorrer motoristas de três veículos. Não houve feridos.

Na rua 16 da QE 40, no Polo de Modas do Guará 2, uma árvore de grande porte caiu, atingindo um veículo estacionado. Segundo o Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF), a árvore ficou sobre o automóvel e bloqueou a rua. Os militares precisaram cortá-la e retirar o veículo do local para liberar a via.

Na Cidade Estrutural, moradores tiveram dificuldade para acessar as ruas por causa da quantidade de lama. A chuva ainda alagou o balão que dá acesso ao Aeroporto Internacional de Brasília. Motoristas não conseguiram passar pela rotatória e precisaram parar o carro.

Goiás

Em Goiás, a força das chuvas também causou inúmeros estragos. Imagens de câmeras de segurança mostram um homem escapando de ser atingido por uma enxurrada de lama dentro de casa, em Anápolis, na última quinta-feira (18). Apesar da força da água, ninguém ficou ferido. 

O morador que aparece nas imagens é o promotor de vendas Rômulo do Carmo, 37 anos. Ele surge falando ao telefone quando, de repente, a lama invade a casa. Rômulo corre para o quintal e consegue se salvar entrando em um canil. Segundo ele, uma obra no lote vizinho da residência fez com que a água se acumulasse perto do muro, impedindo que ela escoasse, o que teria provocado o acidente.

De acordo com Rômulo, a lama destruiu parte da casa e os móveis, causando um prejuízo de cerca de R$ 80 mil. “Eu sonhava que isso ia cair, eu tinha isso na minha cabeça porque dava medo quando chovia com vento, e foi pior do que eu sonhava. Fiquei traumatizado, não sei o que vou fazer”, diz.

Alerta de chuvas intensas

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) emitiu um alerta amarelo contra o perigo de chuvas intensas na DF. O alerta é válido até esta terça-feira (23). Os ventos podem atingir 60 km/h. Em casos de emergências ou situações de risco, é recomendado entrar em contato com a Defesa Civil (telefone 199) ou o Corpo de Bombeiros (193).

Fonte: R7

VEJA TAMBÉM

1 em cada 2 pacientes internados nos hospitais brasileiros é desnutrido

“Estamos diante de uma epidemia silenciosa e, na maioria das vezes, negligenciada”, é o que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *